23 de jul de 2010

Meu blog's curse

Tenho um problema com meu blog: esqueço de postar. É impressionante, mas isso acontece sempre. SEMPRE!!!

Freqüentemente (sim, com trema, porque ainda vivo como se a reforma ortográfica não tivesse ocorrido) coisas acontecem comigo que me lembram de postar no blog. Normalmente são coisas interessantes (ou, ao menos, que eu julgo interessante), que tenho grande vontade de compartilhar com as pessoas que conheço e, especialmente e especificamente, com as pessoas que lêem (sim, com acento circunflexo) esse blog. Infelizmente, nessas ocasiões........ ou, ao menos, em 99,5% dessas ocasiões, não tenho nenhuma ferramenta que me permita escrever no blog sobre o assunto naquele momento (ou ao menos me lembrar de escrever nele). Às vezes, depois do momento, me lembro denovo dos ocorridos em momentos também "indesejáveis", como em viagens de ônibus, tomando banho, comendo no RU, na igreja, etc. Parece que meu cérebro só se volta pra essas coisas quando eu simplesmente não posso escrever. Maldito!!!

Isso aconteceu umas 10 vezes durante esse mês, mês esse em que me ocorreram MUITAS coisas legais dignas de serem lembradas nesse blog. Aliás... esse blog, pra mim, me parece, além de um lugar onde escrevo pra os pouquíssimos "selecionados" leitores, um lugar onde muito escrevo pra mim, já que, se em algum momento, depois de publicada alguma coisa aqui, eu quiser achá-la, já saberei o primeiro lugar a procurar.

Poderia ter divagado sobre como a 5ª sinfonia de Beethoven é bonita, e sobre como ele remontou o seu belíssimo tema - como diz a wikipedia - "short-short-short-long" em cada um dos seus quatro movimentos. Poderia ter falado sobre uma música chamada Yardbird Suit, de "um tal de" (me perdoem aqueles que o conhecem e que dele gostam; eu só o conheço como "o cara da Yardbird Suit") Charlie Parker, que esteve na minha cabeça durante alguns dias atrás. Poderia inclusive ter falado - na verdade, eu deveria falar, já que me ocorreu hoje, mas, sinceramente, não estou com o menor saco pra isso ^^ - sobre o FISL, grande evento que está ocorrendo nesses dias aqui em PoA, justamente praticamente NOS MESMOS DIAS em que ocorre o CSBC (pra quem não sabe do que se trata: Congresso da Sociedade Brasileira de Computação) em Belo Horizonte (grande mancada da organização, em!?!?). Poderia inclusive comentar sobre o fato de haver pessoas que erroneamente por algum motivo me tratam como se eu fosse doente (ainda falarei sobre isso, explicando melhor a situação =D) ou tivesse algum problema mental (HAHAHAHAHAH... tá... uma hora eu explico). Mas por algum motivo, simplesmente esqueço (éé... vai ver eu tenho problemas mesmo ^o) ).

Well... mas o importante mesmo, aqui, não é falar sobre nada de especial. O importante de tudo é que, apesar de ter passado 22 dias longe dessa telinha feia bagarái (sim, com acento, porque neologismo leva acento como qualquer palavra normal) de escrever nova postagem do blogger, eu vou tentar (sério, vou tentar mesmo) passar a levar mais "a sério" (HAHAHAHHA... como se eu fosse levar de verdade) esse blog e escrever mais vezes sobre coisas legais e divertidas nele.


Afinal, como disse um cara numa palestra ontem no FISL - aliás, ele não disse nada de mais, mas... -, o problema das pessoas antes era conseguir falar; o problema das pessoas hoje é conseguir ser ouvido (ou qualquer coisa do gênero).

É isso...

R$

Nenhum comentário:

Postar um comentário