17 de abr de 2013

Poema na Madrugada

Só pra não deixar morrer no esquecimento essa pequena "pérola" (porque se eu não me elogiar, quem é que o fará?) que saiu na noite de domingo pra segunda enquanto eu fazia o monte de coisas que tenho que fazer:


Extremamente cansado,
totalmente ligado...

Algo de que o café
(sabe como é)
só pode ser culpado.

É verdade, porém
que o réu também cúmplices tem:
e à cabeça agora me vem
chocolate, maçã e mate.

E pra terminar esse poema
vou-me dormir que pra amanhã tem tema.



Fiz uma única pequena mudança na posição da palavra "só", que no poema original dava o sentido de que "somente o café poderia ser culpado" (enquanto logo depois eu dizia que havia cúmplices u.u). Tomara que a alguém isso agrade n_N

R$

Nenhum comentário:

Postar um comentário